sexta-feira, 16 de março de 2007

BOAS VINDAS!!!


Essa bolsinha de cd fui eu quem fez ,vi um vídeo da nossa querida amiga Elaine e fiquei apaixonada.Fiz essa pra mim, ai o pessoal elogiou muito e perguntou se eu estava vendendo,e eu que não sou boba nem nada e estava precisando muito de um din-din extra aceitei varias encomendas e vendi bastante, graças a deus....Esse é o meu amuleto da sorte...rsrrsrs



Olá pessoal,




essa a primeira de muitas outras postagens que pretendo dividir com vocês.Tudo sobre artesanato,que eu amo,principalmente crochê.Vou contar-lhes uma histórinha cujo o personagem principal sou eu mesma.




Era uma vez, uma menininha muito diferente de todas as outras do seu tamanho, que sempre gostou de estar no meio de pessoas mais velhas, ou de pessoas bem mais novas, quase nunca da sua idade.Pois achava que as pessoas da sua idade não tinham muito o que conversar,não faziam coisas interessante, a seu ver.Adorava os mais velhos pois sempre tinham uma novidade que ela guardava cada detalhe em sua pequenina caixola, sempre falavam palavras diferente, difíceis,misteriosas,mistério esse que ela se apressava em desvendar sempre com a clássica perguntinha: "O que que é ......??", ou "Pra que que é ........?" ou ainda "O que quer dizer ....?" . Já com os menorizinhos sempre teve um instinto protetor,materno,sempre esteve pronta para tentar ensinalos as coisa mais belas que aprendera.




Ela adorava observar tudo a sua volta.várias vezes , ao ir para casa de sua vó paterna,ficava encantada com um certo espetáculo mágico que presenciavam seus pequeninos olhinhos castanho claro.De uma bola colorida, uma caneta prateada que não servia para desenhar nada ,pois ela já havia tentado as escondidas,e um motorzinho veloz nas mãos, sua querida vovó fazia mágica, eram coisas lindas que surgiam naque número do espetáculo que a encantava , paninhos de mesa, blusinhas, almofadas, colchas, etc....




Quando a pequena Natinha foi crescendo descobriu que o que sua vó usava para fazer mágica na verdade era um novelo de linhas, a caneta prateada que não escrevia chama-se agulha ,o motorzinho na verdade nunca existiu, seus dedos que são realmente velozes por natureza e a grande mágica chama-se CROCHÊ.




Em fim : Foi assim que eu Renata,Renatinha ou apenas Natinha , me apaixonei por essa arte mágica e só agora , com meus 23 anos que eu consegui aprender com uma outra vovó do coração que eu tb amo muito , a Vovó nice, e minha Vó materna Vovó Jelma também foi e é um grande exemplo tanto no artesanato como na vida.




Ufa!!! Agora posso dizer:




FIM








Espero que gostem, frequentem e comentem nesse blogg.




Beijos para meu amor Diogo(Nénzinho). E tb para todas(os) do Grupo Yahoo Crochê Mania da nossa querida moderadora Cléo.











































Nenhum comentário: